domingo, 5 de fevereiro de 2012

Arqueologia

A Pedra de Gaspar(SC)
No dia 28 de junho de 1972 a imprensa local noticiou a descoberta de uma rocha com uma escrita oriental/semítica. Essa descoberta ocorreu na cidade de Gaspar(SC), onde existe um sítio arqueológico chamado “Sambaqui de Poço Grande”, propriedade de Olimpio Hanemann. Segundo o professor Evaldo Pauli da UFSC, estas inscrições poderiam constituir a prova de que navegantes semitas estiveram antes de Cabral no nosso país, tese compartilhada pelo frei Simão Voigt (RJ), ambos em meados da década de 1970. Após muitos anos de debates e especulações, o renomado epigrafista Frank Moore Gross (Universidade de Harward) declarou que se tratava de uma falsificação. O autor da fraude teria modificado as letras de um conhecido documento semítico, a inscrição Baal Libanon. O paradeiro atual da pedra de Gaspar é o Museu do Homem do Sambaqui, em Florianópolis (SC). Infelizmente a pedra nunca recebeu maiores atenções dos acadêmicos. Fonte: Pedras com inscrições Fenícias no Brasil. Disponível em  Sobrenatural.Org
Pedra descoberta em 1972 no município de Gaspar com supostas sinalações fenícias.  ( Fonte: Keller Lucas-Arte Rupestre em Santa Catarina ) 

Página Seguinte » « Página Anterior Página inicial

0 comentários: