quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Grupo de Estudos Manoa - recomenda:

Photobucket

(*)Este texto de Afonso Cautela foi publicado no jornal «A Capital» (Crónica do Planeta Terra), 20/11/1982 ]

20/11/1982 - Se um dia os cientistas descobrirem que houve sociedades com civilizações infinitamente superiores a esta dita civilização que temos, na base barrenta e cancerígena do petróleo, o estado de pânico que se criará em todo o funcionalismo da política, da economia, da ideologia, andará perto do que se verificou na invasão marciana de Orson Welles.
Nesta sociedade do petróleo - dita industrial e avançada - que conseguiu impor, a Leste e a Oeste, os seus padrões de vida (quer dizer, de morte) a quase todo o Planeta - apenas com algumas pequenas bolsas de resistência - o mito do progresso é a pedra de toque. Tudo se justifica, ou tenta justificar, em nome do progresso, nomeadamente as chacinas e mortandades, do biocídio puro e simples ao etnocídio e ao genocídio expresso.
(...) http://pwp.netcabo.pt/big-bang/gatodasletras/pauwels-1.htm

Link para baixar o livro em .pdf (português)
http://www.4shared.com/file/29286055/d3897507/O_DESPERTAR_DOS_MGICOS_-_Louis_Pawels_e_Jacques_Bergier.html?dirPwdVerified=4c8f53a9

Link para COMPRAR O LIVRO.
http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-84381159-o-despertar-dos-magicos-editora-difel-_JM
Página Seguinte » « Página Anterior Página inicial

0 comentários: